Home

Mombaça
Posição no mapa

 


Participe!
Se você detectou alguma informação incorreta e possui mais informações atualizadas sobre esta cidade, envie-nos e nós publicamos.
    Clique aqui para enviar

 



HISTÓRICO

Data da Criação: 27/11/1851                

Instalação: 27/11/1852.                         
Toponímia: Mombaça é o nome de uma cidade africana.                                     Variação Toponímica: Maria Pereira, Benjamim e Constante.                                 Padroeira: Nossa Senhora da Glória Desmembrado de Quixeramobim.              
Dia -
15/08.

História: Suas origens remontam ao Século XVIII, a partir dos primeiros ensaios colonizadores. Destes constam João de Barros Braga, Maria Pereira da Silva, Serafim Dias e seus companheiros José Rodrigues de Carvalho, José do Vale Abreu e Antônio Pereira Façanha, adquirentes, por Sesmaria, de três léguas de terras ao comprido do Banabuiú, por uma de largura, sendo meia para cada banda do rio.
     Os três primeiros, considerados fundadores do reduto, estabeleceram-se e plantaram suas raízes gregárias no sítio denominado Mombaça. Maria Pereira residia na fazenda Boca da Picada, cruzamento obrigatório dos itinerantes que buscavam os Inhamuns. Com o desenvolvimento da fazenda, moradores se acercaram da Casa-Grande, formando lentamente a povoação.
     O nome de Maria Pereira adquire notoriedade na região, não apenas por suas singulares qualidades de mandona, como também pelo instinto acolhedor e justiceiro. Em pouco tempo desaparece o locativo informal de Boca da Picada e o nome de Maria Pereira assume a formal designação, pelo menos até que posteriores alterações venham a se processar.
Evolução Política: A elevação do povoado à categoria de  Vila provém da Lei Provincial nº 555 de 27 de novembro de 1871. Sua instalação, em ato  simultâneo com a Câmara Municipal, registra-se a 8 de setembro de 1852. A mudança de nome, substituindo Maria Pereira por Benjamin Constant, provém do Decreto nº 69 de 9 de setembro de 1892. Essa denominação permaneceu até 1918, quando por força da Lei nº 1.565, de 21 de setembro desse ano, é restabelecida a denominação anterior. A elevação à categoria de Município provém da Lei Estadual nº 2.256, de 19 de agosto de 1925. Suprimido, conforme Decreto Estadual nº 193, de 20 de maio de 1931, e restaurado na forma do Dec-Lei nº 448, de 20 de dezembro de 1938.
Igreja: As primeiras manifestações de apoio eclesial datam do Século XVIII, conforme Ato Provincial de 14 de julho de 1782, oportunidade em que D. Thomaz da Encarnação, Bispo de Pernambuco, concede autorização aos antes requerentes Antônio Lemos de Almeida e sua mulher D. Eugênia Gonçalves de Carvalho, bem assim ao Sargento-Mor Pedro de Abreu Pereira e D. Teresa de Sousa, filha de Maria Pereira, no sentido de que se faça edificar uma capela na fazenda. Essa concessão trouxe consigo a obrigação relativa ao patrimônio eclesiástico, exigência prontamente satisfeita pelos interessados. Assim, tivemos como doadores os seguintes voluntários: a) Antônio Lemos e sua mulher. D. Eugênia, com meia légua de terras, 29 vacas de cria e um reprodutor; b) D. Maria Pereira e sua filha Teresa, com 100 braças e 100 palmos de terras, determinando como local aquele no qual se situasse a capela. Edificada a capela, houve como benemérita padroeira Nossa Senhora da Glória, gerando a Freguesia cuja, inauguração se efetivaria a 8 de dezembro de 1832, desmembrada da jurisdição de Quixeramobim. Consta como seu primeiro vigário o padre Galdino Ferreira.

GEOGRAFIA
Área: 2.141,1km².                                                    

Área(% em relação ao Estado): 1,67.                          
Altitude: 245,84m.                                                
Latitude: 5°45’.                                                     
Longitude: 39°38’.                                          
Mesorregião: Sertão Cearense.                                 
Microrregião: Sertão de Senador Pompeu.                  
Limites:
Norte – Pedra Branca e Senador Pompeu; Sul – Acopiara; Leste – Senador Pompeu e Piquet Carneiro; Oeste – Tauá.                                                   Distritos:Manoel Correia, Catolé, Cangati, Boa Vista, Carnaúbas, São Gonçalo do Umari, São Vicente.
Acidentes Geográficos: Rio Banabuiú, Riachos Curió, Serrote João Alves, Caconde, Catolé, Cangati e das Flores. Açude Boa Vista.                                    
Recursos hídricos: Pluviometria ( a média anual é de 742,8mm).

EDUCAÇÃO
N° de Escolas
:                                                              
Rede Estadual Pré-Escolar 1° e 2° Graus-5                   
Rede Municipal Pré-Escolar 1° e 2° Graus-3                      
N° de Alunos Matriculados:                                      
Rede Estadual Pré-Escolar-205                                    
Rede Estadual 1° Grau-1.777                                      
Rede Estadual 2° Grau-88                                        
Supletivo-231                                                               
Rede Municipal Pré-Escolar-25                                         
1° Grau161                                                                      
2° Grau-80.

SAÚDE
O Governo Estadual tem no município os seguintes postos: Centro de Saúde de Mombaça, de Catolé, de Carnaú, de Cangati, de Cangati, de Vicente, de Boa Vista e de Morada Nova. A Fundação de Saúde do Estado do Ceará mantém: Hospital Maternidade Antonina Aderaldo Castelo. O IPEC mantém a Agência Regional. A Prefeitura Municipal mantém: Centro Comunitário Antônio Jaime Benevides. Há ainda o ambulatório mantido pelos Servidores dos Trabalhadores Rurais.

ESTATÍSTICAS
População Censo de 1999: 38.623.

Densidade Demográfica(hab/km²): 16,61.              
Distância da Capital em Linha Reta:
251km.                                                 Distância Por Linha Reta: 293km.               
Vias de Acesso à Capital:
Ce-060, Ce-359, Br-116.                                                       
Emissoras de Rádio: Rádio Sertões de Mombaça Ltda-OM, Potência de 1/0,25Kw, Frequência de 1.540Khz,Rádio FM do Povo 97,7,Rádio FM Alternativa 104,7.                  
Abastecimento D’água: 1.077 ligações.
Energia Elétrica: N° de consumidores- 4.662. Total consumo-425.989.

PRODUÇÃO
Produção: Sua economia baseia-se na cultura de algodão arbóreo e herbáceo, banana, arroz, milho e feijão. Na pecuária: bovinos, suínos e aves. Em suas terras foram registradas a ocorrência de Berilo e Amianto.  

Indústrias:
10

RECURSOS
Repasse do ICMS em 1995: R$ 504.705,05.                 

Renda Interna Municipal 1995: R$ 6.249,00.                
Renda Per Capita 1991: US$ 139.

PREFEITURA

Endereço:
Rua: Padre Pedro Leão,66
CEP:
63.610-000
Fone:
(88) 743-1488
Fax:
(88) 743-1004
Eventos:
Não temos dados.

www.ceara.com.br
©2003 - Todos os direitos reservados.
Contatos com Webmaster