Home

Várzea Alegre
Posição no mapa

 


Participe!
Se você detectou alguma informação incorreta e possui mais informações atualizadas sobre esta cidade, envie-nos e nós publicamos.
    Clique aqui para enviar

 



HISTÓRICO

Data da Criação: 10/10/1870.              

Instalação: 02/03/1872.                          
Toponímia:
Recebeu essa denominação por estar situado no meio de uma várzea. Variação Toponímica: Desmembrado de Lavras da Mangabeira.                             Padroeiro: São Raimundo Nonato.                 
Dia: 31/08.

Arquitetura Antiga: Santuário de São Raimundo Nonato (1893), Igreja de São Caetano (1800).
História: Suas origens remontam ao Século XVII, quando nas regiões se estabeleceram os primeiros ocupantes de lugares vários. Não eram propriamente riquezas auríferas, na maioria procedentes das Lavras da Mangabeira. Sob esse aspecto, procuraram inicialmente as serras denominadas de Iputi, Crioulos, Charneca, Cavalos e Trigueiros, além de outras cuja fama de jazidas os atraía.
     Frustrados certamente em suas previsões aventureiras e encontrando na região vastas probabilidades de compensação na agricultura, não apenas passaram a fixar-se no complexo montanhoso, como também a derivar em busca do Riacho do Machado. Neste, provido, de terras margeantes, de notadamente com relação ao arroz, sua principal fonte de produção. No final do Século XVIII, Várzea Alegre que nunca foi várzea e tampouco alegre, porém uma faixa de morros solitários, já despontava no cenário provincial com o seu sorriso de próspero reduto.
Evolução Política: A elevação do povoado à categoria de Vila provêm da Lei nº 1.328, de 10 de outubro de 1870. Suprimida conforme Dec-Lei nº 193, de 20 de maio de 1931 e restaurada na forma do Dec-Lei nº 1.156, de 14 de dezembro de 1933. Sua elevação à categoria de Município ocorreu segundo Dec-Lei nº 448, de 20 de dezembro de 1938.
Igreja
:
As primeiras manifestações de apoio eclesial provêm inicialmente, de doação do patrimônio respectivo, constante de quatrocentas braças de terras, em quadro e a ter como doadores Joaquim Alves Bezerra e sua mulher Antônia Corrêa Lima; João Alves Bezerra e sua mulher Joaquina Francisca de Almeida; José Bezerra da Costa e sua mulher Isabel Pereira de Moraes; Antônio Duarte Bezerra. Essa doação guarda como referência de tempo a data de 19 de outubro de 1853. Haveria como beneficiário, além da capela a ser construída, o padroeiro do lugar cuja escolha recaíra em São Raimundo Nonato. Têm-se como construtores desse empreendimento os filhos de Raimundo Duarte Bezerra.
     A Freguesia, desmembrada da jurisdição de Lavras, tem como instrumento de criação a Lei nº 1.076, de 30 de novembro de 1863, tendo como primeiro vigário o padre Benedito de Souza Rego e nomeado segundo Provisão Episcopal de 30 de dezembro do mesmo ano.
     Quanto à Igreja-Matriz e suas projeções religiosas, dependem de posteriores informações, o que satisfatoriamente será acolhido em edição seguinte.

GEOGRAFIA
Área: 704km².                                                           

Área(% em relação ao Estado):
0,48.                       
Altitude:
320m.                                                       
Latitude:
6°47’.                                                     
Longitude: 38°18’.                                                  
Mesorregião: Centro-Sul  Cearensel.                         
Microrregião: Várzea Alegre.                                          
Limites: Norte: Cariús e Cedro; Sul: Crato e Caririaçú; Leste: Lavras da Mangabeira e Granjeiro; Oeste: Farias Brito.                                                                          Distritos: Riacho Verde, Calabaço, Ibicatu, Naraniú, Canindezinho.                    Acidentes Geográficos: Riachos dos Machados, da Fortuna, Carrapeira e São Miguel. Serra do Furtado.
Recursos Hídricos: Pluviometria (a média anual é de 969,3mm).
Recursos Naturais: Serra dos cavalos, Pedreira de Várzea Alegre, Queda D'água.

EDUCAÇÃO
N° de Escolas:
                                                              
Rede Estadual Pré-Escolar 1° e 2° Grau: 4                        
Rede Municipal Pré-Escolar 1° Grau: 2                             
N° de Alunos matriculados;                                         
Rede Estadual Pré-Escolar: 182                                 
Rede Estadual 1° Grau: 1.873.                                        
2° Grau: 257                                                                
Rede Municipal Pré-Escolar: 137                                     
1° Grau: 748                                                             
Supletivo: 491.

SAÚDE
Centro de Saúde Deputado Figueiredo Correia, Pronto Socorro Municipal. Postos de Saúde: de Calabaço, de Riacho Verde, de Maraniú, de Bicatu, de Juazeirinho, de Novo Jordão e Novo Jordão II.

ESTATÍSTICAS
População, Censo de 1999: 34.084.

Densidade Demográfica(hab/km²): 44,52.            
Distância da Capital em Linha Reta: 345km.                                                 
Distância por Rodovia:
436km.                   
Vias de Acesso à Capital:
CE 060, BR 122, BR 116, CE 359.                                    
Emissoras de Rádio:
Rádio Cultura de Várzea Alegre OM.                               Abastecimento D’água: 1.266 ligações.
Energia Elétrica: N° de Consumidores: 5.734. Total Consumo: 593.393.

PRODUÇÃO
Produção: Algodão árboreo e herbáceo e feijão. Pecuária: bovinos, suínos e aves. Indústrias: 16.

RECURSOS
Repasse do ICMS em 1995: R$-430.440,62.            

Renda Interna Municipal 1995: R$-6.161,00.            
Renda Per Capita 1991: US$-133.

PREFEITURA

Endereço:
Rua: Major Joaquim Alves,153
CEP:
63.540-000
Fone:
(88) 541-1152
Fax:
(88) 541-1037
Eventos:
Dia do Padroeiro (31/agosto), Dia do Município (10/outubro).

www.ceara.com.br
©2003 - Todos os direitos reservados.
Contatos com Webmaster